Vereador "muda-se" para o PS

Os presidentes das Câmaras de Belmonte e da Covilhã subscreveram ontem a proposta de adesão ao Partido Socialista do Vereador da Câmara Municipal de Belmonte, Luís António Almeida, eleito nas últimas eleições autárquicas pela coligação PSD/MPT.

Num acto presenciado também pelo vereador e ex-Presidente da Câmara de Belmonte, Amândio Melo, que em breve deverá regressar à sua militância no Partido Socialista. Uma notícia divulgada ontem nas redes sociais pelo autarca da Covilhã, Vítor Pereira.

Há cerca de um ano, o líder do PSD em Belmonte ficou surpreendido com o anúncio da distribuição de pelouros por todos os elementos do executivo municipal de Belmonte. "Um cenário que nunca foi equacionado" durante a campanha das últimas eleições autárquicas. Nessa altura, o PSD referiu que não acompanha "atitudes e posições que violam os mais elementares princípios democráticos, atitudes pessoais que traem a confiança dos cidadãos nos partidos e nos eleitos".

Cerca de um ano depois da atribuição de pelouros aos dois eleitos pela coligação PSD/MPT, o executivo municipal de Belmonte deverá em breve ser constituído por cinco elementos afectos ao Partido Socialista, tendo em conta que o vereador Luís António Almeida assinou ontem a proposta de adesão ao Partido Socialista e em breve, o vereador Amândio Melo deverá regressar à sua militância no Partido Socialista.